Notícias

Grandes boatos da série Street Fighter

Por: Anderson Castro (Deco) com colaboração de Leandro Roussoulières.

Esse artigo foi escrito em 2006 quando ainda nem sonhávamos com o Street Fighter IV. Vamos adaptar o conteúdo com tudo o que sabemos até então para a reinauguração do site streetfighter.com.br, que vai acontecer em março de 2016 (e lá se foi uma década). Boa leitura!

Street Fighter Kids

sfkids

Street Fighter Kids foi um trote que começou na agora falecida “Game Zero”, web site pirata de jogos em Hong Kong. Dito ser uma versão super-deformed da série, SFK foi na verdade uma única screenshot criada por provável empregado da Capcom. Já que o “Game Zero” geralmente postava primeiro as fotos de jogos famosos, muitos acreditaram. O programador acabou por vir e contar a história e reprovou a todos que acreditaram e espalharam o rumor. Ironicamente, a Capcom trouxe essencialmente o jogo, na forma do Pocket Fighter e Super Puzzle Fighter II X.

 

 

 

 

 

dcvssfDC vs Street Fighter

Numa edição da E3, tradicional feira de games, rolou um boato sobre um acordo entre as duas empresas. Infelizmente elas esfriaram. Dois anos antes, a Capcom já teria tentado produzir DC vs. Marvel vs. Capcom, mas esbarraram em problemas de licenciamento, afinal eram muitas empresas e muita grana envolvida. O mercado de jogos de luta já não dava tanto lucro como antigamente.

Mortal Kombat vs Street Fighter

Durante muitos anos, o duelo entre as duas sagas era um sonho para os fãs. Porém as séries têm grandes diferenças entre si, como por exemplo em MK, as batalhas serem de vida ou morte e em SF, as lutas são “por competição”. Recentemente, uma equipe de programadores chamada “Proxicide”, produziu três animações em flash. Na primeira duelam Ken e Rayden, na segunda animação Ryu e Scorpion saem no tapa e na terceira, Akuma e Chameleon se degladiam!

Oficialmente falando, a “Epic Battles TCG” lançou um card game envolvendo os dois universos. Aliás, fez tanto sucesso, que agora a empresa incluiu Tekken no campo de
batalha. Site da empresa: www.epicbattlestcg.com

 

 

 

 

Street Fighter vs Guilty Gear (Sammy vs Capcom)

sammyvscEm 2003, a empresa Sammy anunciou no evento “Amusement Machine Show”, em Tóquio, que estava fechando uma parceria para co-produção de “The King of Fighters”, e o representante da SNK Playmore, Akihito Kadowaki afirmou que o projeto já estaria em desenvolvimento. Após o anúncio, a Sammy anunciou que havia adquirido a licença para a produção de “Sammy vs Capcom”. Ishiwatari Daisuke (representante da Sammy) e Funamizu Noritaka (representante da Capcom) confirmaram o projeto na época. E nós estamos esperando até hoje…

 

 

 

 

Capcom Fighting All Stars

A Capcom pretendia criar um jogo de luta 3D com personagens de Street Fighter diferente do Street Fighter EX, da Arika, que não teve muita aceitação dos fãs. Esse game chegou a ter uma versão beta testada nos arcades japoneses. Após muita especulação, a revista japonesa “Dorimaga” anunciou que a Capcom havia cancelado o game, notícia confirmada pouco depois no site da Capcom japonesa. O game teria os personagens (destaque para Haggar, que faria sua “estréia” contra lutadores da série Street Fighter, e Ingrid, que entrou em Street Fighter Alpha 3 Double Upper): Ryu (Street Fighter), Chun-Li (Street Fighter), Nash (Street Fighter Alpha), Alex (Street Fighter III), Batsu (Rival Schools), Akira (Rival Schools), Poison (Final Fight), Hiryu (Strider) e Haggar (Final Fight). Além desses, personagens originais foram criados para o game: D.D. que seria o “personagem principal”, o loiro Rook, Death, e a até então desconhecida Ingrid. Algumas imagens do jogo:fighting_all_stars02

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

O projeto não foi totalmente cancelado. A Capcom aproveitou alguns elementos no game Capcom Fighting Jam / Evolution.

Street Fighter 64 e SF Champion Edition para Mega Drive

sf2ce_smdEnquanto a Nintendo ainda investia em seu N64, existia uma grande pressão pelo lançamento de um jogo da série SF para o console. Foi divulgado que SF64 estaria em produção, mas ficou só no boato. Por outro lado, bem antes, a Capcom desenvolvia Street Fighter II Champion Edition, mas o game ficou com tantos elementos de SF II Turno Hyper Fighting, que teve que ser renomeado, e por isso, foi lançado SF II Special Champion Edition. A revista “SEGA Power” edição 43, publicou algumas fotos de SFII CE para Mega, a qual você pode ver logo acima.

Sheng Long (Gouken)

sheng_long03

E os boatos não se restringem aos games. A revista EGM costumava fazer brincadeiras de 1º de abril com seus leitores. Gouken, mestre de Ken e Ryu, foi “renomeado”: passou a se chamar Sheng Long. Primeiramente a lenda foi criada para Street Fighter II. Para conseguir enfrentar o sensei dos caratecas, seria precisa empatar vários rounds na luta final contra M. Bison sem que nenhum dos personagens sofresse dano. Sheng Long apareceria e detonava M. Bison, e caberia ao jogador, derrotá-lo. Coincidência ou não, a Capcom criou pouco depois, o personagem Akuma (Gouki), irmão de Gouken, em Super Street Fighter II Turbo / X.

Akuma em Resident Evil 2

A EGM ainda incluiu Akuma em Resident Evil, e alguns sites americanos até “ensinam” o truque. Fãs fizeram uma modificação na versão PC do game, e realizaram o famoso macete. Veja o video de Akuma em Resident Evil 2:

https://youtu.be/nJwMiu_2hNI

Sleeeep via giphy finals are always an intense time for me I am an english major and a huge procrastinator, which how to write a critique paper means that my finals week consists of writing a ton of papers late into the night, every night of the week